SAMBA 09 por Unidos do Viradouro

COMPOSITORES: FELIPE FILÓSOFO, FABIO BORGES, ADEMIR RIBEIRO, DEVID GONÇALVES, LUCAS MARQUES E PORKINHO

INTÉRPRETES: ADEMIR RIBEIRO E ITO MELODIA

 

AMOR, ESCREVI ESTA CARTA SINCERA
VIREI NOITES À SUA ESPERA
POR TE QUERER QUASE ENLOUQUECI
PINTEI O ROSTO DE SAUDADE E ANDEI POR AÍ

SEGUI SEU OLHAR NUMA LUZ TÃO LINDA
CONDUZIU MEU CORPO, AINDA
O CORAÇÃO É PASSAGEIRO DO TALVEZ
ALEGORIA IRONIZANDO A LUCIDEZ

SENTI LIRISMO, ESTADO DE GRAÇA
EU FICO ASSIM QUANDO VOCÊ PASSA
A AVENIDA GANHA COR, PERFUMA O DESEJO
SOZINHO TE OUÇO SE AO LONGE TE VEJO

TE PROCUREI NOS COMPASSOS E PUDE
AOS PÉS DA CRUZ AGRADECER À SAÚDE
CHORAM CORDAS DA NOSTALGIA
PRA ETERNIDADE, UM SAMBA NASCIA

NÃO PERDI A FÉ, PRECISO TE REVER
FUI AO TERREIRO, CLAMEI: OBALUAÊ!
SE AFASTOU O MAL QUE NOS SEPAROU
JÁ POSSO SONHAR NAS BÊNÇÃOS DO TAMBOR

AMANHECEU! NUM INSTANTE JÁ
OS RAIOS DE SOL FORAM TESTEMUNHAR
O DESEMBARQUE DO AFETO VINDOURO
ACORDES VIRÃO DA VIRADOURO

TIREI A MÁSCARA NO CLIMA ENVOLVENTE
ENCOSTEI OS LÁBIOS SUAVEMENTE
E TE BEIJEI NA ALEGRIA SEM FIM
CARNAVAL, TE AMO, NA VIDA ÉS TUDO PRA MIM

ASSINADO: UM PIERROT APAIXONADO
QUE ALÉM DO INFINITO O AMOR SE RENOVE
RIO DE JANEIRO, 5 DE MARÇO DE 1919

VÍDEO: MENSAGEM DOS COMPOSITORES 

Apoio
  • Agência Putz!